História

O Centro de Memória do Trabalho de Canela (CMTC) pode ser definido como uma instituição sem fins lucrativos, que tem como objetivo principal promover a preservação da documentação do Patrimônio Histórico e Cultural do município de Canela. 

A constituição de arquivos e museus municipais ainda é uma utopia para a maioria dos municípios do nosso Estado. Esse descaso e desconhecimento da instalação e manutenção desses lugares de memória fazem com que elementos significativos de nossa história sejam esquecidos ou, até mesmo, impossível de serem recuperados. A massificação da informação nos dias atuais, a homogeneização imposta pala globalização exige uma nova postura para com a constituição das identidades locais. Mais do que nunca é necessário recolher, guardar e conservar as fontes documentais que atestam a nossa trajetória, contribuindo para criar uma postura preservacionista em relação ao patrimônio cultural local.

A inexistência em Canela de um Museu ou Arquivo Municipal e de políticas de preservação, por si só justifica a instalação do Centro de memória do Trabalho como uma alternativa capaz de suprir esta lacuna. Enfrentamos uma corrida contra o tempo e o esquecimento. Urge que transformemos os vestígios em testemunhos, capazes de construir elementos significativos de identidade local.

O CMTC foi pensado e criado por várias entidades: Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos de Canela, Sindicato dos Empregados no Comércio de Canela, Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Papel, do Papelão e Cortiça de Canela, Associação dos Contabilistas da Região das Hortênsias, Comunidade Luterana Cristo Redentor e Comunidade Católica Nossa Senhora de Lurdes. A preocupação central é a atenção com que a preservação dos acervos pessoais, entidades e de empresas tais como fotos, cartazes, folders, atas, jornais, retratem a memória do trabalho na história de Canela.

Embora exista a clareza dos gestores públicos quanto a importância da memória e da preservação dos acervos histórico, nossa cidade enfrenta sérias dificuldades para implementar ações nesta campo. A carência de profissionais capacitados para a organização e manutenção destes espaços constitui-se um entrave a implantação de ações preservacionistas. Entretanto, em Canela o CMTC trouxe para si esta tarefa.

Acreditamos que responsabilidade com o futuro de nossa cidade implica na preservação da História de todos. Desta forma consideramos fundamental o envolvimento de cada cidadão na implantação e manutenção do CMTC.

Compartillhar